Holiday, do MBL, confirma que assessora protestou contra Bolsonaro: “Não recebeu para isso”

Em outro tuíte, Holiday reclamou das críticas que vem recebendo do "gado" depois que Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) identificou a "apoiadora": "pau mandado de gabinete fake news", "imbecis"

O vereador Fernando Holiday (DEM-SP) confirmou que a sua assessora, Cristiane Bernart, foi a “apoiadora” que protestou contra as milhares de mortes e ouviu um “sai daqui” de Jair Bolsonaro na manhã desta quarta-feira (10) em Brasília. O líder do Movimento Brasil Livre (MBL), no entanto, diz que ela “não recebeu para isso” e publicou nas redes sociais um memorando, com data desta terça-feira (9), em que pediu par descontar o dia de salário da youtuber.

Leia também: Eduardo Bolsonaro identifica apoiadora do “sai daqui”: Youtuber e assessora de Fernando Holiday, do MBL

“A @CrisBernart, que protestou de forma corajosa contra o presidente hoje, é sim minha assessora. Mas, ao contrário do que o gado diz, ela não recebeu para isso. Não pertenço a mesma laia de quem usa dinheiro público para fazer manifestação”, tuitou Holiday, compartilhando o material que diz que a assessora não compareceria ao gabinete para “participar de manifestação pública de caráter político”.

Em outro tuíte, Holiday reclamou das críticas que vem recebendo do “gado” depois que Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) identificou a apoiadora.

“Tem um monte de gado, pau mandado de gabinete fake news, vindo no meu perfil e dizendo coisas como: “decepção”, “arrependido” etc.
90% desses imbecis nunca me seguiu e estão vindo aqui porque algum Deputado Bolsominion mandou”.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.