Eduardo Bolsonaro compartilha matéria sobre “erro” de previsões do coronavírus e leva invertida nas redes

"Você deveria ficar feliz deputado eleito por SP, sinal de que o isolamento surtiu efeito", escreveu uma usuária do Twitter

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) usou as redes sociais na noite desta segunda-feira (13) para atacar o governo de São Paulo através de uma matéria que diz que o Instituto Butantan “errou” previsões sobre o novo coronavírus.

Ao contrário dos 1,3 mil mortos esperados pelo Butantan no estado, São Paulo registra até o momento 588 óbitos, um sinal de que o isolamento social pode ter cumprido com seu papel além do previsto . O instituto já contava com o confinamento durante as projeções.

Outra hipótese que pode justificar essa grande redução é o número de testes esperando resultado. Em todo o Brasil há cerca de 93 mil na fila.

O filho do presidente foi bastante criticado por compartilhar a matéria que reproduz uma notícia do portal R7, da TV Record, em razão do tom acusatório da manchete: “SP erra previsão e número de mortes por covid-19 é 55% menor”. O título reforça a tese de que há uma “histeria” sobre a doença.

“Você deveria ficar feliz deputado eleito por SP, sinal de que o isolamento surtiu efeito”, escreveu a usuária Marli Caetano. “Isso se chama GRACAS AO DISTÂNCIAMENTO SOCIAL , animal”, escreveu outro usuário.

A usuária Lídia Souza comentou sobre os testes. “Será que vc não consegue enxergar que tem 15.000 teste sem resultado !”, tuitou.

O Ministério da Saúde reconhece que São Paulo está em estado de emergência e deve adotar isolamento social. Enquanto Eduardo compartilha “erro” de previsão do governo paulista, os números da Covid-19 já superam as estimativas do presidente Jair Bolsonaro e do deputado federal Osmar Terra (MDB-RS), cotado para substituir Henrique Mandetta na Saúde.

https://twitter.com/Ricar_ddo/status/1249850889613033473
Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.