Fórumcast, o podcast da Fórum
08 de setembro de 2019, 21h33

Zambelli provoca Felipe Neto por distribuição de livros LGBT na Bienal e toma invertida nas redes

A deputada acusou Felipe Neto de distribuir livros LGBT para crianças, classificando o conteúdo como "impróprio para a idade"

(Foto: Felipe Neto/Divulgação)

O youtuber Felipe Neto, responsável por distribuir 14 mil exemplares de livros LGBT na Bienal do Rio, tem passado por perseguições nas redes sociais por parte da deputada federal Carla Zambelli (PSL), que tenta a todo custo criticar a atitude de Felipe no evento.

Na noite deste domingo (8), Zambelli publicou a foto de crianças, acompanhadas de seus pais, segurando os livros que o youtuber distribuiu na Bienal. A deputada quis usar a foto como argumento de que Felipe Neto distribuiu livros LGBT para crianças, classificando o conteúdo como “impróprio para a idade”. Como resposta, o youtuber disse que nenhuma criança pegou livro sem estar com os pais ou representantes legais.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

Além disso, Felipe disse que os livros estavam lacrados, conforme exigido pelo prefeito do Rio, Marcelo Crivella. “Eles mentem, distorcem, manipulam tudo em prol de sua agenda fascista e doente”, criticou o youtuber, referindo-se à atitude de Zambelli.

Em seguida, Felipe disse que bloquearia a deputada de seu Twitter. “Gente vou voltar a bloquear essa deputada doente do PSL q já entendi q a estratégia dela é mentir que nem uma alucinada sobre mim para que eu responda e ela ganhe palanque. Chega”, escreveu.

A distribuição dos livros com temática LGBT, comprados e doados pelo youtuber Felipe Neto, formou uma fila gigante na Bienal do Livro do Rio de Janeiro. A distribuição gratuita estava marcada para meio dia, mas a entrega durou cerca de apenas duas horas. A seguinte mensagem foi escrita em cada embalagem: “Este livro é impróprio para pessoas atrasadas, retrógradas e preconceituosas. Felipe Neto agradece a sua luta pelo amor, pela inclusão e pela diversidade”.

Confira o tuíte do youtuber:


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum