Fórumcast, o podcast da Fórum
18 de setembro de 2019, 16h44

Antes referência, Brasil tem discurso vetado em cúpula do clima da ONU por “falta de ambição”

"O Brasil não apresentou nenhum plano para aumentar o compromisso com o clima", diz assessor da Secretaria-Geral da ONU; Cúpula do Clima será um dia antes da Assembleia Geral, evento em que Bolsonaro ainda é dúvida

Bolsonaro (Foto: Carolina Antunes/PR)

Se o presidente Jair Bolsonaro já pensava em fugir de discurso da Assembleia Geral das Nações Unidas por conta de possíveis protestos, agora ele tem uma nova dor de cabeça. O Brasil não foi incluído na lista dos países que vão ter direito a fala durante a Cúpula de Ação Climática da ONU, que acontece em Nova York um dia antes da Assembleia, por não apresentar metas ambiciosas para a contenção do aquecimento global.

Segundo Luis Alfonso de Alba, enviado especial da secretaria-geral da ONU, a organização pediu que países enviassem um plano para aumentar a ambição internacional com os compromissos climáticos e, a partir deles, algumas nações seriam escolhidas para “inspirar”. “O Brasil não apresentou nenhum plano para aumentar o compromisso com o clima”, disse Alba ao blog Ambiência, da Folha de S. Paulo.

A  Cúpula de Ação Climática tem como objetivo “impulsionar a ambição climática e acelerar a implementação do Acordo de Paris e a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável”. Antes dela, foram realizadas diferentes edições da Semana do Clima com o objetivo de fomentar debates para o encontro de Nova York.

O Brasil foi sede da Semana Latino-Americana, que aconteceu em Salvador entre os dias 19 e 23 de agosto, sem grande apoio do governo Bolsonaro. O ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, chegou a ser vaiado durante participação no fórum e respondeu atacando ONGs.

O país chegou a ser considerado uma das referências mundiais em diplomacia ambiental, tendo sido fundamental para a construção do Acordo de Paris, firmado em 2015.

A Cúpula do Clima acontece na próxima segunda-feira (23) e, a Assembleia Geral da ONU, na terça-feira (24).


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum