Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
22 de outubro de 2019, 09h06

Joice denuncia que Flávio, Carlos e Eduardo têm rede de fake news com 1.500 perfis

De acordo com a deputada, filhos do presidente são os responsáveis por manter os funcionários que criam os perfis falsos nas redes sociais

Reprodução/TV Cultura

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) denunciou em entrevista ao Roda Viva nesta segunda-feira (21) que Carlos, Eduardo e Flávio Bolsonaro são líderes de uma rede especializada em campanhas de difamação e notícias falsas usando aplicativos de mensagens. De acordo com ela, são menos 1.500 perfis que alimentam informações falsas na internet.

De acordo com ela, os filhos do presidente são os responsáveis por manter os funcionários que criam os perfis falsos nas redes sociais, como Instagram, WhatsApp e Twitter. Dessa forma, os perfis alimentam uma rede propulsora de informações, a chamada “milícia digital bolsonarista”, sendo a deputada um dos alvos preferidos dos últimos tempos.

“Não é só fake news, mas também campanhas de difamação”, disse a deputada. Ela afirma que fará denúncia ao Ministério Público e apresentará queixa na Comissão de Ética da Câmara dos Deputados. “Não vou ficar apanhando e ficar quieta”, disse.

Durante o programa, Joice também criticou o que chamou de “puxadinho de família” no Planalto, em referência à influência exercida pelos filhos de Jair Bolsonaro no governo. “Muitas vezes eu disse ao presidente: me ajude a te ajudar. Fazer um puxadinho da família no Planalto não vai dar certo, isso é perigoso para o país”, disparou.

A deputada está no centro da crise do PSL. O presidente Jair Bolsonaro (PSL-RJ) resolveu retirá-la da liderança do governo no Congresso nesta quinta-feira. O substituto no cargo será o senador Eduardo Gomes (MDB-GO).

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum